Entretenimento

Azealia Banks divulga celular de Rihanna nas redes sociais

A rapper usou as redes sociais para alfinetar Rihanna, que criticou decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no últimoa sábado (28)Após um dia inteiro de alfinetadas entre Azealia Banks e Rihanna nas redes sociais, a rapper usou sua conta oficial do Instagram para divulgar o número do celular da cantora. “Bomba” escreveu ela, que logo em seguida apagou a foto de sua rede social.Após discussões, Azealia Banks divulga celular de Rihanna na webFoto: Reprodução/InstagramA briga entre as cantoras começou quando Azealia Banks escreveu uma mensagem na rede social direcionada à Rihanna e outras celebridades que, segundo ela, estão usando sua influência para mexer com o público por conta da ordem do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que baniu cidadãos do Irã, o Iraque, a Líbia, a Somália, o Sudão, a Síria e o Iêmen, de entrarem no país por 90 dias.EntendaApós a decisão de Trump, a ex-namorada de Drake usou seu Twitter para criticar a decisão do presidente. “Nojento! A notícia é devastadora! A América está sendo arruinada bem diante de nossos olhos! Que porco imoral você tem que ser para implementar tamanha m****”.Sem papas na língua, Azealia rebateu. “Na medida em que Rihanna (que não é uma cidadã americana e não pode votar) e todo o resto das celebridades que estão usando sua influência para mexer com o público, você realmente precisa se calar e se sentar. Pare de chatear o presidente. É estúpido e patético de ver. Todas essas pessoas confusas confundem outras pessoas confusas”.Depois da discussão, a rapper passou a alfinetar Rihanna nas redes sociais e por fim compartilhou um print do seu telefone em que aparece o contato com o celular da cantora.Rede SociaisAs redes sociais de Azealia Banks foram tomadas por fãs de Rihanna depois de suas atitudes. “Quem é você perto da Rihanna?”, “Você mexeu com a Riri, não vamos deixar barato” e “Mexeu com a Rihanna, mexeu com a gente” foram alguns dos comentários.

More Entretenimento

Fã de futebol, Evandro Mesquita homenageia Pelé no novo disco da Blitz

Cantor diz que parou de jogar bola por causa do joelho e reclama do novo MaracanãRio – Saudade, diz aquele velho ditado, “não tem idade”. Evandro Mesquita, aparentemente, também não. O líder da Blitz nem parece, mas completa 65 anos em 19 de fevereiro. E o grupo renova o repertório com um disco de inéditas, ‘Aventuras II’, remetendo direto à estreia ‘As Aventuras da Blitz’, lançada há 35 anos. O disco é repleto de participações — são 28, num time que inclui Paralamas do Sucesso, Frejat, Seu Jorge, Alice Caymmi, Zeca Pagodinho e até sua filha, a também atriz e cantora Manuela Mesquita.“Mas acho que só lembro da minha idade quando eu corro. Procuro nem pensar nessa parte chata da vida”, diz, rindo, o cantor, que leva o disco novo do grupo para o Teatro Bradesco, na Barra, nesta sexta — e segue em julho para o Circo Voador, local mitológico em se tratando da Blitz (que nasceu lá, em 1982, quando a lona estava montada na Praia de Ipanema).Peladeiro veterano e antigo frequentador do Caxinguelê, onde muita gente da música brasileira batia uma bolinha nos anos 1970 e 1980, Evandro fala sobre a paixão pelo esporte em ‘Nunca Joguei Com Pelé’, do disco novo, que traz até uma mensagem do Rei do Futebol gravada especialmente para a Blitz. Mas anda sumido dos gramados.“Agora eu estou é prestando atenção nos meu joelhos para eles não mancarem. Elas já jogaram o que tinham para jogar. E estou nadando, pedalando, pegando onda de pranchão”, conta o torcedor do Fluminense, eterno apaixonado por Pelé e fã de Neymar.“Não tenho visto grandes partidas e hoje existem mais atletas do que jogadores. Questiono muito o futebol e como ele está sendo jogado e dirigido. O Maracanã era o nosso Coliseu e perdeu a magia. Era uma coisa espetacular, dava medo nos jogadores. Nem fui lá após a reforma”, lamenta Evandro.MAIS AVENTURAS A conexão com ‘As Aventuras da Blitz’ (disco do hit ‘Você Não Soube Me Amar’), diz Evandro, não ficou só no título. “A gente trouxe de volta o Gringo Cardia, que fez a capa do disco de 1982 e fez o trabalho gráfico desse, também”, conta o cantor. “Ele curtiu muito o trabalho e achou que estava com o clima do disco original. E nós também, porque fizemos o disco durante dois anos, sem nenhum tipo de pressão”.Com calma e intercalando diversos outros trabalhos — a agenda de shows da Blitz é intensa e Evandro ainda gravou o Paulão da saudosa ‘A Grande Família’ e a reencarnação de Armando Volta na ‘Escolinha do Professor Raimundo’ — o grupo foi convocando os convidados aos poucos. Zeca Pagodinho, por exemplo, surge em ‘Fominha’, talvez a primeira gravação conhecida do sambista cantando um rock.“A gente se encontrava em aeroportos e conversava sobre o Moreira da Silva, que eu adoro. Ele também adora o filme de ‘Os Normais’ (no qual Evandro trabalhou). Falei que ia mandar uma música para ver se ele topava gravar e ele: ‘Nem precisa mandar, já topei!’”, conta Evandro. Alguns convidados têm relação bastante afetiva com o grupo, como os colegas de geração Frejat e Paralamas. Ou o guitarrista Davi Moraes, filho de Moraes Moreira, com quem Evandro bateu muita bola (em ‘Nu Na Ilha’).PALAVRÕES Já Alice Caymmi, neta de Dorival, está no tango ‘Noku Pardal’ — e o compositor de ‘O Mar’ e ‘Marina’ era fã da Blitz. “Ele foi no nosso camarim e tirou fotos com a gente. Até mostrei para ela”, alegra-se Evandro. A letra tem um ou outro palavrão — o que remete logo ao primeiro disco da Blitz, cujas duas últimas músicas (‘Ela Quer Morar Comigo na Lua’ e ‘Cruel Cruel Esquizofrenético Blues’) foram proibidas pela Censura Federal, indignada com o palavreado do grupo. Quem comprou o disco na época, lembra: as faixas estavam no vinil, riscadas.“Isso foi inédito. A gravadora fez isso para denunciar essa agressão que a gente recebeu da Censura”, conta Evandro, cujo trabalho ainda hoje atrai fãs crianças. Mas será que o politicamente correto não transforma todos em censores? “As pessoas sentem que não é agressivo, que é linguagem de rua. Acho que vão perdoar a gente”, brinca.ESCOLINHA Evandro adorou fazer a ‘Escolinha do Professor Raimundo. “O Bruno Mazzeo até fala que é um programa de amor, não de humor. Estou agora no aguardo da nova temporada. Quando o professor chama, é que nem bagunça no colégio. Ninguém sabe o texto um do outro e é uma surpresa”, diverte-se. Concentrado no show da Blitz, ele corre atrás de patrocínio para a versão filme de ‘Esse Cara Não Existe’, peça que ele e o cineasta Mauro Farias fizeram em 2003. E recentemente dirigiu uma peça para a filha, Manuela Mesquita, ‘Beyoncé ou não ser… Eis a Canção’ — que teve texto do pai e da filha e foi adaptada de ‘Procura-se Um Amor’, de Adriana Falcão.“Manuela canta e atua pra caramba e nasceu nos camarins. A mãe também é atriz (Ingra Liberato). E ela tem esse dom de escrever, dirigir, cantar”, baba o pai.

Entretenimento Archives

Michael Bay provoca Donald Trump em filme sobre futuro distópico
Diretor de “Transformers” anuncia produção de sátira que critica medidas polêmicas do presidente Donald Trump; confira a história de ”Little America”Durante a corrida presidencial americana não faltaram artistas que se ...
Novo “Resident Evil” investe em ação ininterrupta e sana dúvidas sobre Alice
Último filme da série estreia nesta quinta-feira (26) e apresenta uma explicação bem satisfatória para todas as perguntas sobre a protagonistaParece que todos concordam que a franquia “Resident Evil” durou ...
Hit de Wesley Safadão com Rafa e Pipo Marques alcança 5 milhões de visualizações
A música “Tô De Boaça”, gravada no primeiro DVD de Rafa e Pipo Marques, com Wesley Safadão, só fica através de Ivete Sangalo e Cláudia LeiteNo fim do ano passado, ...
‘La La Land’; ganha fôlego por se comunicar com sonhadores em tempos obscuros
Hit da temporada do Oscar, “La La Land” estreia no Brasil promovendo resgate dos musicais e comunhão de sonhadores e fãs do bom cinemaRyan Gosling e Emma Stone já haviam ...
Os 15 filmes mais aguardados de 2017
Lista de filmes de 2017 tem novos títulos de franquias, longas premiados e produções nacionais; veja quais são os 15 mais aguardados do anoA temporada de premiações só faz a ...
Cinema brasileiro terá presença expressiva no Festival de Roterdã, na Holanda
Ao todo 15 filmes nacionais serão exibidos na edição 2017 do Festival de Roterdã, que começa no próximo dia 25 e vai exibir filmes durante 10 diasO cinema brasileiro marcará ...
Fãs de ‘Star Wars’ fazem petição para Leia se tornar princesa da Disney
Petição pede para que a personagem de Carrie Fisher se torne oficialmente uma princesa da Disney; empresa comprou os direitos da saga em 2012Uma semana após a morte de Carrie ...
‘Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood’ é para fãs dos Trapalhões e Didi
Longa que reúne Renato Aragão e Dedé Santana não faz rir, mas conserva essência de Os Trapalhões com bom elenco e homenagem ao eterno Didi. Produção chega aos cinemas brasileiros ...

« Página anteriorPróxima página »