Entretenimento

Drama familiar e grandes atrizes dão o tom do delicado ‘O Reencontro’

Duas prestigiadas Catherines do cinema francês brilham no drama “O Reencontro”, que integrou a programação dos festivais de Berlim e VariluxExistem filmes que se legitimam em seus intérpretes e “O Reencontro” (2017), de Martin Provost, que foi destaque no Festival Varilux e estreia nesta quinta-feira (27) nos cinemas de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte, Brasília, entre outras cidades, pertence a este grupo. Trata-se de um filme que desenvolve uma premissa aparentemente banal, mas o faz com esmero e delicadeza e tem em suas atrizes força, brilho e generosidade.As Catherines brilham em O Reencontro, que estreia nesta quinta-feira em diversas cidades do PaísFoto: DivulgaçãoCatherine Frot (“Marquerite”) protagoniza como Claire, uma parteira talentosa e dedicada, que tem um filho que estuda medicina e parece ter a vida toda ajeitada, ainda que prescinda de certa emoção, cor, arrebatamento. Sua rotina muda com um reencontro que despertará fantasmas do passado. Que surgem na figura ainda hipnótica de Catherine Deneuve, grande dama do cinema francês.Deneuve dá vida a Béatrice, que fora amante de seu pai no passado. Amante que o abandonou e contribuiu para um quadro de suicídio. Desnecessário dizer que Claire não faz a mínima questão de reencontrar Béatrice, mas esta insiste em inserir-se em sua rotina. Béatrice foi vitimada por um câncer e, sentindo-se só, parece disposta a fazer as pazes com o passado. A hesitação de Claire é o primeiro conflito alinhado pelo filme. Outros virão. Com delicadeza e sutileza, “O Reencontro” confia a suas atrizes a capacidade de engajar a audiência em uma trama que, ainda que bem delineada, não apresenta nenhuma novidade, nem excede o desenvolvimento protocolar dos conflitos alinhados. Mas Frot e Deneuve, além de uma química potente, expõem as entranhas de personagens machucadas e tomadas por receios e angústias, ainda que de ordens diferentes.A maneira como uma personagem remedia a dor da outra é dessas belezas que o cinema mais pueril e gracioso tem a oferecer e o apreciador do bom cinema tem aí sua satisfação garantida. “O Reencontro” se ampara essencialmente em suas atrizes e é uma opção válida – e bem-vinda – em um momento em que os filmes se amparam cada vez mais nos efeitos especiais e na engenharia de franquias e ideias prontas. É um bálsamo ir ao cinema ver dois grandes talentos conjugarem sua mágica.

More Entretenimento

Rosemary lança álbum ‘Ouça o Soprar do Vento’

A cantora Rosemary lança o disco ‘Ouça o Soprar do Vento’e retorna aos palcos com novo repertórioCantora volta aos palcos com novo repertórioFoto: DivulgaçãoFora dos estúdios desde 2006, quando lançou ‘Mulheres de Mangueira’, a cantora Rosemary apresenta seu novo trabalho no palco do Teatro da UFF, em Niterói. O 38º de sua carreira, ‘Ouça o Soprar do Vento’ — título escolhido pelos fãs, em votação pelo Facebook — tem dez músicas, oito delas inéditas. Os niteroienses serão os primeiros a ouvir o álbum ao vivo. “Já faz um tempinho que eu estava querendo me apresentar na UFF, para o público de Niterói. Acho que vou sentir essa relação com o público verdadeiramente agora com esse meu show”, avalia.Uma das faixas do novo disco é, na verdade, antiga — o ‘Hino à Bandeira Nacional’ foi composto por Olavo Bilac, em 1906. A releitura teve a participação de Ivan Lins, Frejat, Leoni e Lulli Chiaro. Rosemary diz que resolveu regravar a canção como um “grito de alerta” em meio à crise política e econômica do país. “Infelizmente, temos muitos políticos que não cuidam nem do povo, nem da nossa nação. A principal mensagem [DA MÚSICA]é que a educação molda o caráter de um cidadão. A cultura é transformadora”, desabafaA cantora não tem receio de se envolver em questões políticas: ela já participou de campanhas para a filtragem sorológica de bancos de sangue, para a adoção de famílias nordestinas carentes e, mais recentemente, para a aprovação da PEC da Música — emenda que dá imunidade fiscal para a indústria fonográfica. Sua causa mais recente é uma lei para tornar obrigatório o ensino de música popular brasileira e de cultura nacional nos colégios. Na linha de frente com Rosemary estão nomes como Fagner, Frejat, Leoni, Ivan Lins, Sandra de Sá e Fernanda Abreu.“Fui educada por um pai e uma mãe que sempre tiveram um olhar abrangente para a vida e para as pessoas. Percebo a falta de interesse de grande parte da nossa juventude pela cultura de nosso país. Vejo que é necessário maior investimento do Ministério da Cultura em formar professores especialistas no ensino da nossa cultura”, comenta cantora.A educação musical de Rosemary começou cedo: o pai, Romário, tocava bandolim; a irmã, Terezinha, era garota-propaganda do apresentador Chacrinha e levava a caçula, ainda menina, para assistir às gravações do programa na Rádio Globo. No novo disco, a cantora também relembra os velhos tempos — uma das faixas é ‘Esse Cara é Você’, homenagem ao companheiro de Jovem Guarda, o rei Roberto Carlos.

Entretenimento Archives

Confirmado! Daniel Craig vai viver James Bond pela 5ª vez
Daniel Craig deve receber cerca de US$ 50 milhões para viver 007 mais uma vez. Bond 25, título provisório, estreia nos cinemas em novembro de 2019Depois muita hesitação e negociação, ...
Pela primeira vez, Marília Mendonça se apresenta no Citibank Hall em SP
A rainha da sofrência estará em São Paulo nos dias 28 e 29 de julho. Além disso, veja os outros destaques da coluna Bastidores desta terça-feira (25)Marília Mendonça subirá pela ...
Linkin Park cancela turnê americana e shows com o Blink-182
Banda estava se preparando para começar turnê pelos Estados Unidos e faria shows com o Blink-182, mas a morte de Chester Bennington mudou tudoO Linkin Park confirmou o cancelamento de ...
Sem falsa modéstia, DJ Khaled brilha como nunca e admite curtir "grandiosidade"
Com um álbum cravejado de nomes importantes como Beyoncé e Justin Bieber, DJ Khaled tem o toque de Midas na música e admite: “sou especial”Para muitos o nome de DJ ...
Justin Bieber, Lady Gaga e outros ícones da cultura pop censurados na China
Músicas, filmes e até mesmo personalidades já foram banidas do país por apresentar conteúdos ou se portar de maneira que o governo critica. ConfiraPara quem pensava que a fase de ...
Warner quer tirar Batman de Ben Affleck, diz revista
Vale lembrar que o ator, que já havia abandonado a direção do filme, deixou o longa “Triple Frontier” para cuidar do bem-estar e se dedicar à famíliaParece que o papel ...
The Maine volta ao Brasil para sete shows: ‘Um dos nossos lugares favoritos’
Banda britânica começa turnê brasileira com show em São Paulo neste sábado (15); leia a entrevista completa com o guitarrista Kennedy BrockA banda britânica The Maine começa neste sábado (15) ...
Beyoncé lidera ranking de lucro de artistas de 2016; Rihanna fica em 12º lugar
Segundo a Billboard, Beyoncé faturou mais de 61 milhões em um ano; Rihanna segura sua posição por lucro vindo de plataformas de streamingAnualmente a Billboard anuncia a lista dos artistas ...

« Página anteriorPróxima página »