AutoMotor

Cinco dicas para verificar os amortecedores

Funcionamento do componente atua diretamente na segurança do veículo e na dirigibilidadeO amortecedor é um componente diretamente ligado à segurança do veículo. Ele é a principal peça do sistema de suspensão e responsável por manter o contato permanente dos pneus com o solo, garantindo estabilidade ao automóvel e boa dirigibilidade ao motorista.Como toda peça, tem sua vida útil e deve ser reposto em tempo determinado. Para orientar quanto ao bom funcionamento do componente, a Monroe, fabricante de amortecedores, aponta cinco sinais que indicam quando o item deve ser verificado.Amortecedores garantindo estabilidade ao automóvel e boa dirigibilidade ao motoristaFoto: DivulgaçãoFalta de estabilidadeAmortecedores desgastados reduzem a aderência ao solo, provocando falta de estabilidade e controle de direção. De acordo com o coordenador de treinamento técnico da Monroe, Juliano Caretta, essa condição é ainda mais grave em pisos molhados. “Nestes casos, a ineficiência do componente pode causar, inclusive, aquaplanagens, aumentando consideravelmente o risco de acidentes”.Barulhos e solavancosAo perceber a presença de ruídos em excesso, como sons metálicos e rangidos, por exemplo, é importante que o motorista fique sempre atento. “Esses são os barulhos mais comuns quando os amortecedores apresentam problemas de funcionamento”, afirma Caretta, que acrescenta: “Solavancos e movimentação brusca dos componentes da suspensão também são sinais de que os amortecedores precisam ser avaliados e substituídos, se necessário”.Vida útil do amortecedor é proporcional às condições de utilização do veículoFoto: DivulgaçãoBalanços excessivosAmortecedores gastos provocam movimentação excessiva da carroceria, um sobe e desce dentro do habitáculo considerável, como um brinquedo de parque de diversão. “Esses movimentos ocorrem principalmente em lombadas, valetas, buracos e desníveis do pavimento. É importante que o condutor fique atento ao comportamento do veículo nessas situações, que exigem mais da suspensão, para evitar danos maiores futuramente”, alerta o especialista.Pneus pulando e danificadosOs amortecedores controlam os movimentos das molas, maximizando o contato dos pneus com o solo. Quando desgastados, o mau funcionamento das peças provoca saltos constantes e intensos dos pneus no pavimento, prejudicando a dirigibilidade e provocando deformações na banda de rodagem deles. “Marcas na região central podem significar problemas nos amortecedores, especialmente desgastes localizados, e em formato de ‘concha’”, comenta Juliano.Distância de frenagemEspecialistas alertam que amortecedores com 50% de desgaste aumentam em até 1,80 m a distância de frenagem em uma velocidade de 60 km/h. “Quanto maior a velocidade, maior também será a distância de parada do veículo, colocando em risco motoristas e passageiros. Por isso, é extremamente importante que o condutor realize as revisões preventivas ou procure uma oficina de confiança assim que perceber essa dificuldade na hora de frear”, finaliza o especialista.De acordo com a Monroe, a vida útil do amortecedor é proporcional às condições de utilização do veículo. A fabricante recomenda revisar preventivamente as condições dos amortecedores a cada 10.000 quilômetros, ou conforme a orientação da fabricante do carro.

More AutoMotor

Linha Fiat está com taxa zero na Avanti Rio

Financiamento com condição especial está aberto para toda a linha Uno, Grand Siena e a picape ToroEstá pensando em financiar um Fiat novinho? Há uma oportunidade para comprar com taxa zero na Avanti Rio, que oferece a vantagem para o novo Uno, o Grand Siena e a picape Toro, a mais vendida do Brasil. Toda a linha do trio ainda está com IPVA 2017 grátis.A campanha é válida enquanto durarem os estoques ou até 24 de agosto. Para Uno e Grand Siena, o cliente deve dar entrada de 70% e o restante em 24 vezes, com taxa zero. Na Toro, a entrada deve ser de 80% e o restante em 12 vezes.Novo Uno está com taxa zero para todas as versões na Avanti RioFoto: DivulgaçãoNovo UnoA linha 2018 do hatch compacto está disponível em seis versões, duas opções de motores (os novos Firefly 1.0 e 1.3) e também duas para transmissão. A opção de entrada é a Drive 1.0, de R$ 42.980 e câmbio manual. Em seguida, vem a Way 1.0 manual, com acabamento mais sofisticado, ao preço de R$ 44.150. O motor 1.3 surge também na configuração Way, por R$ 49.120 ainda com transmissão manual.Subindo para R$ 53.630, tal modelo ganha o câmbio automatizado GSR. As opções topo de linha têm o nome de Sporting, que custa R$ 51.080 com câmbio manual e R$ 55.580 no GSR – esses últimos com o motor 1.3.Na linha 2018, a principal novidade do Uno é o equipamento ITPMS, o monitoramento de pressão dos pneus, de série em todas as versões. Desde a opção de entrada, o compacto é equipado com faróis de neblina, volante multifuncional, direção elétrica, ar-condicionado, computador de bordo, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas e central multimídia.As condições especiais também estão disponíveis para o sedã FiatFoto: DivulgaçãoGrand SienaO sedã Grand Siena parte da versão Attractive 1.0, que custa R$ 43.590. Ela já possui direção hidráulica, ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas automáticas, computador de bordo, alerta de limite de velocidade e de manutenção programada, entre outros. Não há rádio de série, é necessário adquirir dentro de um kit opcional. O motor 1.0 aqui é o veterano Evo, de 73/75 cv e 9,5/9,9 kgfm de torque (gasolina/etanol). As demais versões do Grand Siena são a Attractive 1.4, de R$ 50.750, e a topo de linha Essence 1.6, de R$ 55.950.Toro: líder de vendasA picape Toro é a mais vendida do Brasil dentro do seu segmento. O modelo é oferecido com uma gama diversa: seis versões, três motores sendo dois flex e um diesel, além de três opções de câmbio. Os preços vão de R$ 88.980 a R$ 131.940.A opção mais acessível, de R$ 88.980, é a Freedom 1.8 flex automática. O motor é o conhecido E-TorQ, que entrega 139 cv na última calibração e 19,27 kgfm de torque, quando abastecido com etanol. A transmissão é automática de seis velocidades com opção de trocas por meio de borboletas no volante e função sport. Esta variante tem rodas de aço de 16 polegadas, maçanetas e retrovisores na cor preta, capota marítima, lanterna traseira em LED, volante com comandos do rádio, telefone e revestido em couro, direção elétrica, regulagem dos retrovisores externos manual, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, controle de cruzeiro, sensor de estacionamento traseiro, sensor de pressão dos pneus, sistema liga/desliga do motor para paradas breves, suspensão traseira multilink, coluna de direção com regulagem de altura e profundidade e rádio.Além da taxa zero, promoção também dá o IPVA 2017 pago. Toro é uma das contempladas.Foto: DivulgaçãoA segunda na linha é a Freedom 2.4 com câmbio automático de nove marchas. O propulsor entrega mais potência, são 174/186 cv e 23,5/24,9 kgfm de torque (gasolina/etanol). Por R$ 100.270, traz os mesmos equipamentos do que a opção anterior, o ganho é na mecânica.Kit roadComo opcionais, as versões Freedom 1.8 e 2.4 ganham o Kit Road. O pacote traz central multimídia com tela de cinco polegadas operada por toque, rodas de liga leve, ar-condicionado digital dual zone, entre outros. A decoração do carro ganha adesivos ‘Road’ nas portas dianteiras, soleira metálica, tecido especial dos bancos, painel bicolor, moldura do rádio e maçanetas internas frontais em cor específica da versão.Seguindo com a mesma lista de equipamentos, há, ainda, a opção Freedom 2.0 diesel com câmbio manual de seis velocidades. Custa R$ 105.350 e o propulsor entrega 170 cv e 35,69 kgfm de torque. Os retrovisores externos aqui são elétricos e a versão ganha brake light e iluminação de caçamba. Por R$ 118.470, a Toro Freedom diesel ganha câmbio automático de nove marchas e tração 4×4, até então as versões anteriores são equipadas com tração dianteira.A picape só fica mais sofisticada em estilo e equipamentos na versão topo de linha Volcano. A mecânica segue a variante anterior, mas há uma considerável evolução em acabamento: descansa-braço para motorista e no assento traseiro, ar-condicionado digital de duas zonas, barras longitudinais no teto, central multimídia câmera de ré, faróis com LEDs diurnos, grade frontal cromada, controle de descida, iluminação interna com efeito noturno, maçanetas externas cromadas e retrovisores externos cromados e com rebatimento, controle de cruzeiro com controlador de velocidade, protetor de cárter, quadro de instrumentos com tela de sete polegadas colorida, rodas de liga leve de 17 polegadas, tampa traseira com abertura elétrica, tapetes dianteiros e traseiros em carpete, entre outros mimos. Está tarifada em R$ 131.940.

AutoMotor Archives

Saiba como conservar a pintura do carro
Empresa especializada orienta procedimentos para reparar pequenos arranhões no automóvelAo pensar na conservação do automóvel, uma das principais preocupações é em relação à pintura. Um carro riscado fica com a ...
Intel planeja produzir frota de cem carros totalmente autônomos
Veículos serão testados na Europa, em Israel e nos EUAO gigante americano da tecnologia informática Intel anunciou nesta quarta-feira a sua intenção de testar uma frota de cem carros autônomos ...
Mudança na lei para os blindados
Nova norma proíbe recuperação de vidros, obriga registro próprio e determina alterações no teto solarA partir de agosto, carros blindados deverão obedecer nova regulamentação. Conforme o Exército Brasileiro, a portaria ...
Volkswagen up! e Saveiro ganham série Pepper
No subcompacto, o preço da versão esportiva começa em R$ 57.900, com motor TSI. Principais novidades são apenas estéticasA ornamentação ‘Pepper’, da Volkswagen, agora está disponível também para o up! ...
Mercedes lança no Brasil o C 300 Estate
Versão bem comportada e familiar do Classe C desembarca aqui por R$ 265.900No segmento de automóveis de luxo surge um carro para manter a resistência das familiares carrocerias station wagon/perua ...
Novo Mitsubishi Outlander para sete ocupantes
Além da terceira fileira de bancos, versão do crossover está equipada com motor 2.0. Veículo batizado de Comfort custa R$ 143 milO Mitsubishi Outlander está com uma nova versão, batizada ...
CNH vencida vale como identidade
Embora a legislação atual determine que o RG não tem prazo de validade determinado no país, vários órgãos passaram a exigir uma data de emissão de até dez anos para ...
Ford revela detalhes do novo EcoSport 2.0 Titanium
Versão topo de linha do SUV da Ford chega em agosto no país com design renovado e câmbio novoA Ford revelou novas informações de como será a repaginada do EcoSport ...

Próxima página »