Emma Stone sobre ‘A Guerra dos sexos’: ‘Tive sorte de viver Billie Jean King’

9th outubro 2017   ·   0 Comments

Estrela de Hollywood não poupou elogios à tenista americana durante a estreia do longa-metragem no London Film Festival

Emma Stone não poupou elogios à Billie Jean King na première europeia de “A Guerra dos Sexos”, que ocorreu neste sábado (7), durante o London Film Festival.

Emma Stone e Billie Jean King na premiere de A Guerra dos Sexos no London Film Festival

Emma Stone e Billie Jean King na premiere de A Guerra dos Sexos no London Film Festival

Foto: Divulgação

Vencedora do Oscar de melhor atriz deste ano por seu papel em “La La Land – Cantando Estações”, a estrela de Hollywood caminhou pelo tapete vermelho na Leicester Square, centro de Londres, e explicou as razões que a levaram a interpretar a tenista americana lendária em “A Guerra dos Sexos”.

“A história de Billie Jean é tão incrível, inspiradora. Ela mudou tanta coisa para seu próprio esporte e também para o mundo. Ela é uma grande defensora da igualdade e direitos LGBTQ. E, naquela época, ela não era capaz de falar livremente sobre o que estava passando. O fato de interpretá-la foi o que realmente atraiu minha atenção, apesar dos muitos desafios”, disse Emma.

Emma Stone e Steve Carell em cena do novo filme dos diretores de

“Conseguir fazer parte deste lado da história, compartilhando isso com o mundo e celebrando as realizações de mulheres como ela, realmente tive muita sorte de fazer esse papel”, acrescentou.

Já Billie Jean King, que também marcou presença no evento, retribuiu o elogio e afirmou que se sentiu lisonjeada por ter uma equipe e elenco tão talentosos retratando sua história.

“É como ter os melhores do mundo. Me sinto tão abençoada e impressionada com isso acontecendo. Você nunca pensa quando é criança que se tornará a jogadora de tênis número 1 do mundo e que eles farão um filme e a atriz número 1 do mundo irá te interpretar. Ela ganhou tudo, Globo de Ouro, Oscar. Ter Emma Stone me retratando é muito além de surreal, inacreditável”.

“A Guerra dos Sexos” conta a história da famosa partida de tênis entre Billie Jean King e Bobby Riggs (Steve Carell) em 1973, que se tornou um dos eventos esportivos mais assistidos de todos os tempos. Mais do que sobre tênis, é um filme sobre batalhas pessoais, igualdade de gênero, sexualidade e poder.

“Espero que a mensagem do filme sirva para que os jovens ‘millennials’ abracem a causa e lutem pela liberdade e igualdade. E para a comunidade LGBTQ, espero que ajude as pessoas a se sentirem mais confortáveis em sua própria pele, enquanto que, para outros, permita com que eles entendam melhor, assim não é algo tão desconhecido. Que o filme também lembre as pessoas de o quão duro era nos anos 70, por quantos problemas pessoas antes de mim e minha geração passaram. Por tudo isso, sou muito grata”, finalizou Billie Jean.

“A Guerra dos Sexos” estreia nos cinemas do Brasil no dia 19 de outubro.

Readers Comments (0)