Yamaha apresenta a linha 2018 de dois modelos

28th agosto 2017   ·   0 Comments

A XTZ 250 Ténéré é para usar na cidade e em estrada de chão. A scooter urbana NMAX 160 ABS tem mais agilidade no trânsito

A Yamaha XTZ 250 Ténéré já está disponível como linha 2018. Visualmente, é possível notar novos grafismos e cores decorativas. São três opções: verde e marrom metálicas e preto, que combina acabamento fosco com azul brilhante dos grafismos e suporte de carenagem.

Custa R$ 16.190 e possui garantia de um ano. As principais características da motocicleta são o painel digital, o bagageiro em alumínio, os faróis alusivos à Super Ténéré 1200 e o para-brisa. A propulsão da XTZ 250 Ténéré fica a cargo de um motor flex monocilíndrico, com comando simples no cabeçote (SOHC), arrefecimento misto de ar e óleo. Tal unidade, de 249,45 cm³, proporciona 20,7/20,9 cv de potência e 2,09/2,1 kgfm de torque (gasolina/etanol). A capacidade do tanque é de 16 litros, sendo 4,8 de reserva.

Visualmente%2C XTZ 250 Ténéré apresenta novos grafismos e cores

Visualmente, XTZ 250 Ténéré apresenta novos grafismos e cores

Foto: Divulgação

Outro sistema da moto que merece destaque é o conjunto de suspensão de longo curso, com 2,2 cm na frente e 2 cm na traseira. Na área de pós-venda, a XTZ 250 Ténéré segue pacote de revisões com preço fixo. A reposição de peças pode ser feita por meio de unidades genuínas ou ainda a linha Y-TEQ, oferecida pela própria fábrica, que foca na grande demanda de componentes com maior frequência de troca. Estes atendem as especificações, padrões de segurança e qualidade da fabricante.

Também já está na linha 2018 a scooter Yamaha NMAX 160 ABS. Ela chega com novas opções de cores (preto, branco e vermelho fosco), além da nova cor das rodas, que passam a ser pretas. O assento também teve mudança sutil: ele passa a combinar duas diferentes texturas com a costura aparente.

Scooter vem com câmbio automático CVT%3A basta acelerar

Scooter vem com câmbio automático CVT: basta acelerar

Foto: Divulgação

Mecanicamente, a Yamaha NMAX 160 ABS apresenta recalibração dos amortecedores traseiros, buscando maior maciez, para oferecer melhor conforto. O motor desta scooter é um monocilíndrico com quatro válvulas dotadas de sistema de controle de abertura, além de arrefecimento a líquido. Entre potência de 15,1 cv e torque de 1,47 kgfm. A transmissão é automática CVT. O tanque comporta 6,6 litros de gasolina com 1,4 litros de reserva.

Construída sobre chassi tubular, a scooter possui como sistema de suspensão amortecedores traseiros com curso de 90 mm na roda, que foram recalibrados para oferecer mais conforto. No garfo dianteiro, prossegue o curso de 100 mm sem alterações. As rodas de alumínio medem 13 polegadas, calçadas por pneus sem câmara de 110/70 na dianteira e 130/70 na traseira. Os freios, já mencionados no nome do produto, são ABS.

Outros trunfos em destaque no scooter são o espaço sob o assento para um capacete, iluminação dianteira e traseira em LED, painel de instrumentos em tela digital. Sobre o pós-venda, a NMAX 160 ABS tem pacote de revisões com preço fixo e um ano de assistência 24 h gratuito. Já disponível nas concessionárias, custa R$ 11.690.

Readers Comments (0)