Banda Fly promete álbum novo para março: “Diferente de tudo que já fizemos”

18th Fevereiro 2016   ·   0 Comments

A banda teen Fly voltou ao estúdio logo no início de 2016 para trabalhar em seu 2º álbum. O integrante Paulo Castagnoli falou sobre os projetos futuros da banda, a rotina corrida por conta do sucesso e a relação com os fãs.

Paulo Castagnoli, Caique Gama e Nathan Barone, da banda Fly

Paulo Castagnoli, Caique Gama e Nathan Barone, da banda Fly

Foto: Divulgação

Depois de se envolver em uma polêmica por causa de comentários racistas e machistas em uma revista e ver o nome da banda em todas as machetes pelos motivos menos esperados, o grupo se prepara para gravar seu segundo álbum acreditando que não foram abalados aos olhos do público.

“Prefiro acreditar que não [fomos prejudicados]. Por mais que essa polêmica tenha ofendido muita gente, nós nunca tivemos essa intenção”, afirmou Paulo. “E quem pode ter se ofendido é gente que não nos conhece. Pelo menos os fãs que já tínhamos antes não se abalaram porque sabem como somos.”

Mesmo assim, a intenção da Fly agora é se renovar em tudo: de música a identidade visual.

“Esse CD vai ser 100% diferente de tudo que a gente já fez”, diz Paulo. Com diferentes influências vindas dele e dos colegas Caique Gama e Nathan Barone, a Fly promete surpreender os fãs. “Vamos tentar trazer sons e elementos novos e vamos esperar que as pessoas se identifiquem.”

E se continuarem se identificando, a banda só tende a crescer. Com mais de 1,3 milhão de likes no Facebook, a Fly não para de trabalhar nenhum instante. A gravação do novo álbum é feita durante uma turnê de divulgação do último EP “Mais Um”, que rendeu o hit “Cabelo de Algodão”, que atingiu a marca de 9 milhões de visualizações em cerca de 10 meses.

No espaço de um mês (entre 27 de fevereiro e 27 de março) a Fly tem 11 shows marcados em cidades do sul, sudeste e nordeste.

“Não vamos parar de fazer shows enquanto gravamos o CD, mas a intenção é focar no estúdio para ser um trabalho no qual a gente confie e tenha certeza do que faz. Temos que ter calma e dar o carinho que as músicas precisam”, diz Paulo.

Previsões

O novo álbum ainda não tem data marcada para ser lançado, mas Paulo arrisca – e torce – para que seja logo: “Não depende só da gente para lançar, tem a produção, a fábrica. Mas a intenção é que seja no final de março”.

A única coisa certa para o novo CD é que será cheio de surpresas. “Não posso dizer muita coisa ou os meninos me matam”, brinca. “Estamos tentando fazer tudo secreto para ser realmente algo que ninguém espera. Queremos que seja tudo 100% novo.”

Readers Comments (0)