Pais que brincam de faz de conta ajudam no desenvolvimento do filho

15th agosto 2015   ·   0 Comments

Estudo aponta que as crianças aprendem naturalmente a diferença entre brincadeiras com coisas concretas e abstratas por observar este comportamento nos próprios pais

Um recente pesquisa feita ;pela Universidade de Sheffield, na Inglaterra, mostrou que aquela brincadeira que muitos pais fazem com os filhos, de fingir que os joelhos são um cavalinho ou que o bicho de pelúcia é um chapéu, é capaz ;de ensiná-los ;habilidades importantes da vida.

O estudo mostrou que crianças a partir dos 16 meses de idade aprendem naturalmente a diferença entre brincadeiras com coisas concretas e com coisas abstratas ;por observar este comportamento nos próprios ;pais. O estudo também indicou que compreender a diferença entre os dois tipos de brincadeira permite que as crianças consigam aprender, imaginar e pensar de forma ;abstrata.

Na primeira parte do estudo, os pais eram convidados a brincar e atuar com seus filhos de 16 a 20 meses. As piadas envolviam colocar comidas na cabeça e as simulações incluíram atividades como lavar as mãos sem sabão ou água.

No segundo estudo, os pais de crianças de 20 a 24 meses idade foram convidados a brincar e “fingir” verbalmente com seus filhos pequenos. No jogo de atuações os pais diziam, por exemplo, que um bloco de montar era um cavalo e as piadas incluíam fazer falsa correspondência entre objetos, como dizer que uma galinha era um chapéu.

A pesquisa descobriu que os pais podem oferecer sugestões explícitas para ajudar as crianças a distinguirem entre os contextos de brincadeira e de ‘fingimento’ mesmo com menos de um ano e meio de idade.

Elena Hoicka, uma das autoras do estudo, acrescentou: “nosso estudo mostra como brincar é importante para o desenvolvimento das crianças. Os pais que fingem e brincam com seus filhos oferecem pistas para as crianças distinguirem a diferença entre as duas situações e as crianças aproveitam para executá-las na prática, na vida cotidiana”.

“Por exemplo, se um pai com uma galinha de pelúcia diz algo como: ‘Isso não é realmente um chapéu!’ a criança percebe que se trata de ;uma piada, um ‘fingimento’, algo que não é real, e evita colocar a galinha de brinquedo ;na cabeça”.

Por outro lado, explicou a pesquisadora, se um pai estiver fingindo que um bloco de madeira era um cavalo, fazendo movimentos de galope, isso pode incentivar a criança a fazer o mesmo e a entender que o bloco realmente era um cavalo na imaginação de ambos.

Dicas para melhorar a qualidade do tempo que você passa com seu filho:

Descubra como passar mais tempo ao lado do seu filho de forma prazerosa para você e para a criança

Descubra como passar mais tempo ao lado do seu filho de forma prazerosa para você e para a criança

Foto: Think Stock

Os filhos precisam da atenção dos pais. Por isso, você vai precisar abrir mão de algumas atividades para se dedicar ao pequeno

Os filhos precisam da atenção dos pais. Por isso, você vai precisar abrir mão de algumas atividades para se dedicar ao pequeno

Foto: Think Stock

Quando estiver com a criança, deixe de lado o celular, TV e computador. A atenção deve ser dada para o seu filho

Quando estiver com a criança, deixe de lado o celular, TV e computador. A atenção deve ser dada para o seu filho

Foto: Think Stock

Inclua atividades do dia a dia na agenda. Jantar em família é uma dica para passar um tempo na semana ao lado da criança

Inclua atividades do dia a dia na agenda. Jantar em família é uma dica para passar um tempo na semana ao lado da criança

Foto: Think Stock

Reserve ao menos uma hora no dia para ficar com o seu filho. Isso ajuda na autoestima da criança e na aproximação familiar

Reserve ao menos uma hora no dia para ficar com o seu filho. Isso ajuda na autoestima da criança e na aproximação familiar

Foto: Think Stock

Se você tem mais de um filho, reserve um tempo para cada um individualmente. Eles se sentirão valorizados e amados

Se você tem mais de um filho, reserve um tempo para cada um individualmente. Eles se sentirão valorizados e amados

Foto: Think Stock

Coincida a ida ao trabalho com o horário de leva-lo à escola. Inclua a atividade na rotina e aproveita para conversar com seu filho

Coincida a ida ao trabalho com o horário de leva-lo à escola. Inclua a atividade na rotina e aproveita para conversar com seu filho

Foto: Think Stock

Deixe a criança escolher o que ela quer fazer naquele momento em família. Brinque, converse e aproveite a diversão

Deixe a criança escolher o que ela quer fazer naquele momento em família. Brinque, converse e aproveite a diversão

Foto: Think Stock

Convide o pequeno para participar das atividades da casa, como fazer a lista do supermercado, por exemplo

Convide o pequeno para participar das atividades da casa, como fazer a lista do supermercado, por exemplo

Foto: Think Stock

Crie um espaço para a criança fazer a lição de casa enquanto você finaliza aquele relatório. Ela se sentirá importante por dividir o mesmo espaço que você

Crie um espaço para a criança fazer a lição de casa enquanto você finaliza aquele relatório. Ela se sentirá importante por dividir o mesmo espaço que você

Foto: Think Stock

Algumas empresas elegem um dia do ano para que as crianças conheçam o trabalho dos pais. Essa visita vai mostrá-lo o que você faz quando não está em casa

Algumas empresas elegem um dia do ano para que as crianças conheçam o trabalho dos pais. Essa visita vai mostrá-lo o que você faz quando não está em casa

Foto: Think Stock

Readers Comments (0)